Diz-me quem te governa…

1000 carateres
1000 carateres
Diz-me quem te governa…
Loading
/

[desabafo]

Ah, caros governantes de Portugal, como é reconfortante saber que os senhores e as senhoras estão no leme, guiando nossa nação com mão firme e dedicação absoluta ao bem-estar de todos. E como nos orgulhamos de pagar os vossos salários e regalias, certos de que cada centavo é aplicado com sabedoria e responsabilidade, enquanto vossas excelências medem egos, e não o sucesso do nosso país.

Ah, como é inspirador ver vossas excelências focadas no que realmente importa, como um estudante que abandona os livros para se perder em redes sociais.

Pode ser que um dia, quando já não restar pedra sobre pedra, alguém se lembre de perguntar como chegamos a este ponto. E talvez nesse momento, os sábios e perspicazes governantes que nos trouxeram até aqui possam erguer a cabeça, orgulhosos de seu legado, e responder com uma só voz: “Foi porque nos pagaram para governar, e governamos. Governamos os nossos egos, a nossa vaidade, e deixamos que o país desmoronasse à nossa volta.”

Então, caros governantes, continuem assim. Sigam medindo vossos egos e disputando quem é o mais bonito ou teimoso, pois certamente é isso que o povo de Portugal espera e deseja. E quando chegar o dia em que os Chegas vos tenham deglutido, lembrem-se de que foram vocês que o permitiram, e celebrem o triunfo das vossas pequenas e irrelevantes vitórias pessoais.

No Jornal de Notícias, 4.mai.2030


Comentários

Comente

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.